Empresas de mudanças: como escolher

By on Março 15, 2016

Já que aconselhei a contratação de empresas de mudanças, vou deixar aqui algumas dicas para ajudá-lo(a) a encontrar uma boa transportadora com orçamento simpático, garantindo um bom serviço.

 

  1. Verifique sempre se a empresa é idónea e qualificada. Para evitar que os seus pertences sejam apreendidos pelo caminho, é necessário que as empresas de mudanças tenham um alvará atribuído pelo IMT – Instituto de Mobilidade e dos Transportes.
  2. Procure empresas especializadas em mudanças. Existem transportadoras de mercadorias que fazem uns “extras” como empresas de mudanças para rentabilizar as suas viaturas. Mesmo que encontre uma transportadora com orçamento favorável desta natureza, não arrisque a sua contratação porque o mais natural é terem pessoal com menos experiência e oferecerem um serviço de qualidade inferior.
  3. Procure referências de empresas de mudanças. Fale com amigos, conhecidos, pesquise na Internet comentários e avaliações sobre o trabalho de diferentes empresas. Muitas vezes esta é a melhor forma de encontrar uma transportadora com orçamento à medida das nossas expectativas e necessidades.
  4. Não contrate pelo menor preço. Claro que o ideal é contratar uma transportadora com orçamento baixo mas desconfie se uma empresa de mudanças apresentar um valor cerca de 2 a 3 vezes menor do que a concorrência. Nestes casos, poderá não ter a garantia de mão-de-obra qualificada, material adequado e o devido cuidado que se deve ter normalmente. E afinal, são as suas coisas que estão em causa!
  5. Peça pelo menos 3 orçamentos. Não se fique por uma transportadora e orçamento. Inclua pelo menos três empresas de mudanças na sua lista de potenciais contratações.

Quando fizer a sua escolha, assine sempre um contrato de prestação de serviços. Não aceite nada verbal, esclareça dúvidas e negoceie cláusulas. Veja também se a empresa tem seguro em caso de eventuais danos dos seus bens e não pague 100% do valor em adiantado. Não se esqueça também de questionar acerca de custos extras que possam vir a ser cobrados, como despesas de estacionamento ou mover coisas pelas escadas, etc.



Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *